Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres e Meninas

Campanha conta com mateada de lançamento em Cruz Alta no domingo

Publicação:

16 dias de ativismo 2018
16 dias de ativismo 2018

A campanha mundial “16 dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres” busca conscientizar a população sobre os diferentes tipos de agressão contra as meninas e mulheres em todo o mundo. Trata-se de uma mobilização anual, empreendida por diversos atores da sociedade civil e do poder público. 

Aqui no RS o Departamento de Políticas para as Mulheres da Secretaria de Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos, montou um calendário com atividades na capital e interior. No próximo domingo (25) acontece uma mateada de lançamento da campanha em Cruz Alta, as 16:00 horas na praça da Matriz. Na segunda-feira (26) ocorre a abertura da campanha em Caxias do Sul, abertura da exposição “Não Abafa o Caso” em Imbé, e atividade cultural em Vacaria, no Campus da UCS.  

16 dias de ativismo 2018 2 (1)
Calendário 16 dias de ativismo 2018 - Foto: Jacqueline Titello

Conforme a diretora do Departamento de Políticas para as Mulheres da SDSTJDH, Salma Farias Valencio, a campanha, realizada em escala mundial de 25 de novembro, Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher, a 10 de dezembro, data em que foi proclamada a Declaração Universal dos Direitos Humanos, também tem o objetivo de propor medidas de prevenção e combate à violência, além de ampliar os espaços de debate com a sociedade. 

Apresentando calendários adaptados à realidade de cada país, no Brasil, considerando a dupla vulnerabilidade da mulher negra, a campanha inicia-se no dia 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra, e se estende até o dia 10 de dezembro, passando pelo 6 de dezembro, Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres.

SDSTJDH - Secretaria de Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos